Sintomas da pressão baixa e o que pode causar este problema!

A pressão arterial baixa pode parecer desejável e, para algumas pessoas, não causa problemas. No entanto, para muitas pessoas, a os sintomas da pressão baixa causam tontura e desmaio, sendo até fatal em casos muito graves.

Uma pressão sanguínea inferior a 90 milímetros de mercúrio (mmHg) para o número superior (sistólica) ou 60 mmHg para o número inferior (diastólica) é geralmente considerada baixa pressão arterial.

As causas da pressão baixa variam de desidratação a graves distúrbios médicos ou cirúrgicos. É importante descobrir o que está causando sua pressão arterial baixa para que ela possa ser tratada.

Sintomas da pressão baixa

Para algumas pessoas, a pressão arterial baixa sinaliza um problema subjacente, especialmente quando cai ou é acompanhada por sinais e sintomas como:

  • tontura;
  • desmaio (síncope);
  • visão embaçada;
  • náusea;
  • fadiga;
  • falta de concentração;
  • choque.

A hipotensão extrema pode resultar nesta condição com risco de vida. Sinais e sintomas incluem:

  • confusão, especialmente em pessoas idosas;
  • pele fria, pegajosa e pálida;
  • respiração rápida e superficial;
  • pressão baixa.

Quando procurar um profissional?

Se você tiver indícios de choque, procure ajuda médica de emergência.

Se você tem leituras de pressão sanguínea consistentemente baixas, mas se sente bem, é provável que seu médico monitore você durante exames de rotina.

Até mesmo tonturas ou tonturas ocasionais podem ser um problema relativamente pequeno – o resultado da desidratação leve de muito tempo ao sol ou uma banheira de hidromassagem, por exemplo. Ainda assim, é importante consultar o seu médico se você tiver sinais ou sintomas de hipotensão, porque eles podem apontar para problemas mais sérios. Pode ser útil manter um registro de seus sintomas, quando eles ocorrem e o que você está fazendo no momento.

Principais causas da pressão baixa

sintomas-da-pressao-baixa
sintomas da pressão baixa

A pressão arterial é uma medida da pressão nas artérias durante as fases ativa e de repouso de cada batimento cardíaco.

  • Pressão sistólica – o número mais alto na leitura da pressão arterial é a quantidade de pressão que o seu coração gera ao bombear o sangue pelas artérias para o resto do corpo.
  • Pressão diastólica – O número inferior na leitura da pressão arterial refere-se à quantidade de pressão nas artérias quando o coração está em repouso entre as batidas.

As diretrizes atuais identificam a pressão arterial normal como menor que 120/80 mm Hg.

Ao longo do dia, a pressão arterial varia, dependendo da posição do corpo, do ritmo respiratório, do nível de estresse, da condição física, dos medicamentos que você toma, do que come e bebe e da hora do dia. A pressão arterial é geralmente mais baixa à noite e aumenta acentuadamente ao acordar.

A pressão tem de ser a mesma para todos?

O que é considerado pressão arterial baixa para você pode ser normal para outra pessoa. A maioria dos médicos considera a pressão arterial muito baixa apenas se causar sintomas.

Alguns especialistas definem a pressão arterial baixa como leituras menores que 90 mm Hg sistólica ou 60 mm Hg diastólica. Se um dos números estiver abaixo disso, sua pressão estará abaixo do normal.

Uma queda repentina da pressão arterial pode ser perigosa. Uma mudança de apenas 20 mm Hg – uma queda de 110 sistólica para 90 mm Hg sistólica, por exemplo – pode causar tontura e desmaio quando o cérebro não recebe um suprimento adequado de sangue. E grandes mergulhos, como aqueles causados por sangramento descontrolado, infecções graves ou reações alérgicas, podem ser fatais.

Condições que podem causar baixa pressão sanguínea

Condições médicas que podem causar pressão baixa incluem:

Gestação

Como o sistema circulatório se expande rapidamente durante a gravidez, é provável que a pressão arterial caia. Isso é normal, e a pressão sanguínea geralmente retorna ao seu nível pré-gravidez depois que você deu à luz.
Problemas cardíacos. Algumas doenças cardíacas que podem levar à pressão arterial baixa incluem freqüência cardíaca extremamente baixa (bradicardia), problemas nas válvulas cardíacas, ataque cardíaco e insuficiência cardíaca.

Problemas endócrinos

Doenças da tireoide, como doença da paratireoide, insuficiência adrenal (doença de Addison), baixa taxa de açúcar no sangue (hipoglicemia) e, em alguns casos, diabetes, podem desencadear baixa pressão arterial.
Desidratação. Quando seu corpo perde mais água do que recebe, pode causar fraqueza, tontura e fadiga. Febre, vômitos, diarreia grave, uso excessivo de diuréticos e exercícios extenuantes podem levar à desidratação.

Perda de sangue

Perder muito sangue, como uma lesão grave ou hemorragia interna, reduz a quantidade de sangue no seu corpo, levando a uma queda grave da pressão arterial.

Infecção grave (septicemia)

Quando uma infecção no corpo entra na corrente sanguínea, pode levar a uma queda da pressão arterial que ameaça a vida, chamada choque séptico.

Reação alérgica grave (anafilaxia)

Gatilhos comuns desta reação grave e potencialmente fatal incluem alimentos, certos medicamentos, venenos de insetos e látex. A anafilaxia pode causar problemas respiratórios, urticária, comichão, garganta inchada e queda perigosa da pressão arterial.

Falta de nutrientes em sua dieta

A falta das vitaminas B-12 e folato pode evitar que o seu corpo produza glóbulos vermelhos (anemia) suficientes, causando pressão baixa.

Medicamentos que podem causar baixa pressão arterial

Alguns medicamentos podem causar pressão baixa, incluindo:

  • pílulas de água (diuréticos), como furosemida e hidroclorotiazida;
  • bloqueadores alfa, tais como prazosin;
  • beta-bloqueadores, como atenolol e propranolol;
  • medicamentos para a doença de Parkinson, como o pramipexol ou aqueles que contêm levodopa;
  • certos tipos de antidepressivos (antidepressivos tricíclicos), incluindo doxepina e imipramina;
  • medicamentos para a disfunção eréctil, incluindo o sildenafil (Viagra) ou tadalafil, particularmente quando tomado com a medicação para o coração, nitroglicerina.

Agora você sabe mais sobre os sintomas da pressão baixa e o que pode causa-la! Sofre com esse problema? Como é a vida com baixa pressão? Conte-nos! ♥

 

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *