Benefícios do limão: conheça o poder desta fruta azedinha!

Os benefícios do limão são inúmeros, já que esta é uma fruta com muitas possibilidades de ajuda na cura de doenças e também na prevenção de muitas delas, não só a parte interna mas também sua casca, oferecendo juntas um “pacote completo”.

Ele possui um teor de 6% de ácido cítrico, por isso aquele gosto azedinho. Ele possui mais ácido que todas as outras frutas, até mesmo laranja e tangerina que não chegam nem perto, tendo apenas 0,06% de ácido. O ácido cítrico depois de absorvido pelo organismo transformasse em sais alcalinos que atuam como reguladores no sistema digestivo, além de serem cicatrizantes para as feridas internas e evitarem o crescimento de bactérias e fungos no organismo.

Ao contrário do que se pensa, o suco extraído apenas da polpa da fruta é pobre em vitamina C, já na casca concentra um teor muito maior, por tanto o recomendado é que para melhor aproveitamento da vitamina C, após lavar bem a fruta, seja feito o suco da fruta por completo.

Benefícios do limão

  • TPM: os principais minerais contidos no limão são magnésio, manganês e potássio. O magnésio é um agente muito eficiente contra o combate à TPM, pois ele diminui os sintomas que aparecem durante o período;
  • osteoporose: o potássio presente no limão alimenta o cérebro, as células nervosas e o tecido conjuntivo. Contra a osteoporose, o potássio em dupla com o cálcio ajudam a construir e manter firme os ossos;
  • diabetes: já para a diabetes o aliado presente na fruta é o manganês que faz com que a glicose presente no sangue seja melhor aproveitada, por isso o limão é indicado para o tratamento;
  • auxilia a digestão: o sumo de limão elimina microrganismos indesejáveis e toxinas. A sua composição  é semelhante à da saliva e dos fluidos digestivos. Além disso,  auxilia o fígado na produção da bílis, ácido essencial para a digestão. Os limões são também ricos em minerais e vitaminas que ajudam a eliminar toxinas do aparelho digestivo. As propriedades digestivas do sumo de limão aliviam sintomas de indigestão como:arrotos, flatulência e azia;
  • diminui o risco de câncer de esôfago: o limão, como todas as frutas cítricas, possui níveis fisiológicos significativos de flavonas. O consumo destas flavonas é associado a diminuição do risco de câncer de esôfago;
  • melhora o humor e diminui a ansiedade: o óleo de limão possui redutor de ansiedade (ansiolítico), um tipo de antidepressivo através do molde de neurotransmissores.

Água com limão e seus poderes no corpo

  • Auxilia na digestão e remove as toxinas do aparelho digestor;
  • em casos em que se sentem náuseas, acidez ou indigestão, a água com limão auxilia na neutralização desses sintomas;
  • auxilia o sistema imunológico a tornar-se mais forte, graças à atuação da vitamina C;
  • contém ácido ascórbico, conhecido por ter propriedades anti-inflamatórias;
  • o suco do limão é um remédio eficaz no tratamento da obesidade, mas antes de iniciar uma dieta baseada na fruta, o paciente deve beber muita água;
  • equilibra o pH, por ser um dos alimentos mais alcalinos. O limão deve ser digerido e metabolizado pelo organismo, tornando-se alcalino também;
  • auxilia na diminuição da ingestão de café, já que normalmente ao beber um copo de água com limão a vontade de tomar café é banida;
    ajuda a refrescar o hálito e aliviar as dores nos dentes, além das gengivites;
  • a água com limão, consumida com as refeições, diminui o índice de glicose no sangue,  o que colabora na diminuição da sensação de fome e mantém o corpo saciado por muito mais tempo, contribuindo para a perda de peso.

Já sabia dos benefícios do limão? Costuma fazer receitas especiais com ele? Desfrute desse maravilhoso aliado da saúde!

Comments

comments

2 comentários em “Benefícios do limão: conheça o poder desta fruta azedinha!

  • 7 de julho de 2017 em 21:44
    Permalink

    E quem tem gastrite, o limão faz mal?m

    Resposta
    • 17 de novembro de 2017 em 12:52
      Permalink

      Olá Mara! As vitaminas e sais minerais presentes no limão são benéficas para a gastrite leve e moderada, pois controlam a acidez regenerando os tecidos inflamados do estômago. Mas se a sua gastrite for grave, indico que pergunte para o seu médico que vai poder analisar seu caso específico. Beijo

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *